sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Até 2010!!!!!!!!!

Chegamos ao final de mais um ano.
Com muita luta e dedicação enfrentamos 2009 juntos. Amigos surdos e ouvintes, família e todos aqueles que se juntaram a nós para conhecer a cultura surda, muito obrigada!
Faremos uma pausa em nossas atividades, mas retornaremos normalmente no dia 11 de janeiro para atender a todos!

Que o Natal seja de paz e muito amor! Que o Ano Novo seja de união e realização de tudo o que desejarmos alcançar!

Grande abraço à todos!

Equipe Instituto Revelação

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Boas Festas!!!!

O final de mais um ano chegou. É hora de comemorar tudo o que conseguimos realizar durante 2009 e dar boas vindas para 2010.
É tempo de renovar as energias e buscar a realização de nossos objetivos.
O Instituto Revelação deseja a todos um Natal de muita paz e um Ano Novo repleto de vitórias!!!

Acesse o link e aprenda em Libras:

http://lh3.ggpht.com/_tJy6HIc4vnU/SyYxOMSUO8I/AAAAAAAAADs/lU9R2t3f5sE/s400/Feliz_Natal_e_Ano_Novo%5B1%5D.png

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Censo para Pessoa com Deficiência

A Prefeitura Municipal de São José dos Campos está promovendo o Censo para Pessoas com Deficiência. Os formulários começaram a ser distribuídos no dia 05/12 juntamente com a conta de água. Esses formulários deverão ser preenchidos corretamente e entregues nos postos de coleta que foram colocados em vários pontos da cidade.
Com as informações deste censo, novas propostas de políticas públicas poderão ser trabalhadas para essas pessoas para que possa viabilizar ações de reabilitação, de lazer, esportes e cultura para essas pessoas.

Não deixe de responder aos formulários! Sua participação é muito importante!

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Tabela de Decibéis




Seminário Inclusão

Aconteceu ontem o Seminário sobre Inclusão de Pessoas com Deficiência no Mercado de Trabalho. Quem não foi, perdeu um momento importantíssimo de discussão de novas diretrizes.

Em breve teremos aqui maiores informações sobre o evento.

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Inscrições encerram hoje!!!

Hoje é o último dia!!!
Não fique fora dessa! Faça já sua inscrição para o Seminário sobre Inclusão de pessoa com Deficiência no Mercado de Trabalho e Efetividade da Lei de Cotas.

Data: 10/12/2009
Local: Casa do Idoso, na Rua Euclides Miragaia, 508 - Centro - São José dos Campos - SP

Informações no link do site da Prefeitura de São José dos Campos: http://www.sjc.sp.gov.br/servicos/seminario_pessoa_deficiencia/sobre.asp

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Dia Internacional da Pessoa com Deficiência

A APDE (Assessoria de Políticas para Pessoa com Deficiência) celebra amanhã (03/12) o "Dia Internacional da Pessoa com Deficiência", promovido pela ONU desde 1998.

Na programação estão previstas apresentações variadas como o início do treino do basquete adaptado para cadeirantes e apresentação do grupo Síndrome Hip Hop da Asin (Associação Síndrome de Down de São José dos Campos).

Local: Sesc São José dos Campos
Hora: a partir das 19:00 hs

Compareça!!!

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Seminário sobre Inclusão

Haverá no dia 10/12/2009 das 08:30 às 12:30 horas, o Seminário sobre Inclusão da Pessoa com Deficiência no Mercado de Trabalho e a Efetividade da Lei de Cota.
O evento é aberto a representantes de empresas, do comércio e a pessoas interessadas pelo tema.
Os interessados deverão fazer inscrição até o dia 04/12/2009 pelo site da prefeitura.

Maiores informações no link:

http://www.sjc.sp.gov.br/servicos/seminario_pessoa_deficiencia/sobre.asp

terça-feira, 24 de novembro de 2009

1ª Colônia de férias para pessoas surdas

Já estão abertas as inscrições para a 1ª Colônia de Férias para pessoas surdas.
É crescente a preocupação em atender bem a essas pessoas e por ser necessária a interação destas em diversas áreas para que haja uma inclusão social de forma eficaz, estes e muitos outros projetos estão por vir!
Inscrição gratuita através de preenchimento de formulário. É preciso fazer com antecedência pois há limite de vagas!

Divulguem e participem da 1ª Colônia de Férias para pessoas surdas.

Maiores informações: (12) 3021 4117 / 8817 5655 (Rosi)

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Novas turmas

Estamos com horários disponíveis para novas turmas do curso básico de Libras.
Mais informações:


E-mail: inst.revelacao@hotmail.com
Fone: (12) 3021 4117


Venha conhecer a comunicação pelos sinais!

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Leitura que vale a pena!


Embora trate da educação dos surdos, este livro aborda amplamente a questão da inclusão dos estudos nessa área, provocando o leitor a um outro olhar sobre as diferenças das pessoas. Não é possível sair incólume dessa leitura que nos fala das representações hegemônicas que prevalecem em nossa sociedade, das dimensões políticas perversas que determinam as práticas escolares.

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Lei e Decreto

Lei nº 10.436, de 24 de abril de 2002 — Dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais - Libras e dá outras providências.


Decreto nº 5.626, de 22 de dezembro de 2005 — Regulamenta a Lei no 10.436, de 24 de abril de 2002, que dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais - Libras, e o art. 18 da Lei no 10.098, de 19 de dezembro de 2000.

Legalidade da Libras

Estão garantidas no Brasil, por parte do poder público em geral e empresas concessionárias de serviços públicos, formas institucionalizadas de apoiar o uso e difusão da Língua Brasileira de Sinais como meio de comunicação objetiva e de utilização corrente das comunidades surdas do Brasil. De acordo com as normas legais em vigor no País, as instituições públicas e empresas concessionárias de serviços públicos de assistência à saúde devem garantir atendimento e tratamento adequado aos portadores de deficiência auditiva.

O sistema educacional federal e os sistemas educacionais estaduais, municipais e do Distrito Federal devem garantir a inclusão do ensino da Língua Brasileira de Sinais nos cursos de formação de Educação Especial, de Fonoaudiologia e de Magistério, em seus níveis médio e superior.

O Governo do Estado de São Paulo produziu um dicionário voltado para os surdos, elaborado com o intuito de diminuir ao máximo a exclusão digital. Produzido em CD-ROM, o dicionário tem 43.606 verbetes, três mil vídeos, 4,5 mil sinônimos e cerca de 3,5 mil imagens.

Língua Brasileira de Sinais (Libras)

A língua brasileira de sinais (LIBRAS) é a língua de sinais ou língua gestual usada pela maioria dos surdos dos centros urbanos brasileiros e reconhecida pela Lei. É derivada tanto de uma língua de sinais autóctone quanto da língua gestual francesa; por isso, é semelhante a outras línguas de sinais da Europa e da América. A LIBRAS não é a simples gestualização da língua portuguesa, e sim uma língua à parte, como comprova o fato de que em Portugual usa-se uma língua de sinais diferente, a língua gestual portuguesa (LGP).

Assim como as diversas línguas naturais e humanas existentes, ela é composta por níveis lingüísticos como: fonologia, morfologia, sintaxe e semântica. Da mesma forma que nas línguas orais-auditivas existem palavras, nas línguas de sinais também existem ítens lexicais, que recebem o nome de sinais. A diferença é sua modalidade de articulação, a saber visual-espacial, ou cinésico-visual, para outros. Assim sendo, para se comunicar em Libras, não basta apenas conhecer sinais. É necessário conhecer a sua gramática para combinar as frases, estabelecendo comunicação. Os sinais surgem da combinação de configurações de mão, movimentos e de pontos de articulação — locais no espaço ou no corpo onde os sinais são feitos, os quais, juntos compõem as unidades básicas dessa Língua. Assim, a Libras se apresenta como um sistema linguístico de transmissão de idéias e fatos, oriundos de comunidades de pessoas surdas do Brasil. Como qualquer língua, também existem diferenças regionais, portanto deve-se ter atenção às variações praticadas em cada unidade da Federação.

Como definir a surdez

A Surdez pode ser definida segundo três pontos de vista:

Ponto de vista médico: Em termos médicos, a surdez é categorizada em níveis do ligeiro ao profundo. É também classificada de deficiência auditiva, ou hipoacúsia. Os tipos de surdez quanto ao grau de perda auditiva: Perda auditiva leve: Não tem efeito significativo no desenvolvimento desde que não progrida,geralmente não é necessário uso de aparelho auditivo.Perda auditiva moderada: Pode interferir no desenvolvimento da fala e linguagem, mas não chega a impedir que o individuo fale.Perda auditiva severa: Interfere no desenvolvimento da fala e linguagem, mas com o uso de aparelho auditivo poderá receber informações utilizando a audição para o desenvolvimento da fala e linguagem.Perda auditiva profunda: Sem intervenção a fala e a linguagem dificilmente irá ocorrer.

Ponto de vista educacional: Desde ponto de vista, surdez refere-se à incapacidade da criança aprender a linguagem por via auditiva e ter um desempenho acadêmico. A partir da Lei 10436,O governo brasileiro reconhece a LIBRAS, como lingua, e os surdos tem o direito que nas instituições educacionais as aulas sejam ministradas em LIBRAS, pelo menos com a presença de um interprete.Pois a surdez não interfere no desenvolvimento cognitivo.

Ponto de vista cultural: Em termos culturais, surdez é descrita como uma identidade cultural, partilhada entre indivíduos Surdos ou com perda auditiva.